ACOMPANHAMENTO TERAPÊUTICO

formação (2ª turma)

OBJETIVO:

Capacitar profissionais e estudantes da área da saúde, educação ou assistência social para atuação como acompanhantes terapêuticos.

ACOMPANHANTE TERAPÊUTICO (AT):

A prática do Acompanhamento Terapêutico (AT) tem ganho cada vez mais visibilidade em virtude dos novos modelos de atenção em saúde mental que vêm sendo colocado em exercício no Brasil nas últimas décadas, em especial após a assinatura da Lei nº 10.216/2001, tornando-se um importante instrumento de atuação junto à chamada “clínica ampliada”. Em linhas gerais, o trabalho do acompanhante terapêutico (at) consiste em estabelecer interlocuções com o meio, com o território, no intuito de promover transformações para que o meio social seja capaz de acolher as produções (especialmente as psicóticas) de seu acompanhado, visando à ampliação de sua contratualidade social.
Além da atuação junto aos chamados “psicóticos”, o trabalho do at também tem sido requisitado na atenção a pessoas em sofrimento por conta de doenças somáticas, processos de luto, situações de vulnerabilidade social ou de encarceramento, bem como em casos de dependência química. O at trabalha – na rua, na família, nas instituições, onde for necessário – para garantir cidadania a todo tipo de ajustamento, a toda forma de relacionar-se com o mundo, buscando promover a ampliação dessas formas.

ESTRUTURA E CARGA HORÁRIA:

Três encontros mensais, dois de 16 horas e um de 12 horas, totalizando 44 horas de curso, com profissionais convidados especializados.

INVESTIMENTO:

R$ 660,00 (estudantes) e R$ 770,00 (profissionais) em até 10x sem juros no cartão pelo PagSeguro ou à vista com 10% de desconto (pagamento offline - transferência ou depósito).

*

VAGAS LIMITADAS

DATA/ HORÁRIO

PROGRAMA

PROFISSIONAL CONVIDADO (A)

MÓDULO I

12.abril.19 (18h às 22h),

13.abril.19 (9h às 13h e 14h às 18h)  e 14.abril.19 (9h às 13h)  

  • História e função política do Acompanhamento Terapêutico.

  • Novos modelos de atenção em saúde mental.

  • Subjetividade fenomenológica: teoria do self.

  • Clínicas gestálticas: psicose, sofrimento ético, político eantropológico e banalidade.

  • Acompanhamento terapêutico nas psicoses, dependência  química, processos de luto, doenças somáticas, transtornos alimentares, entre outros contextos.

  • Trabalho em instituições asilares, de acolhimento e carcerárias, em escolas e com as famílias.

Profa. Dra. Marcele Emerim (CRP 12/09066).

Doutora e Mestra em Psicologia pela Universidade Federal de Santa Catarina. Graduada em Psicologia pela Universidade do Sul de Santa Catarina  e em Educação Artística - Habilitação Artes Cênicas pela Universidade do Estado de Santa Catarina. Especialista em Metodologia de Ensino pelas Faculdades Integradas de Amparo  e em Psicologia Clínica pelo Instituto Müller-Granzotto. Professora e supervisora do curso de formação plena em Gestalt-terapia e coordenadora e professora do curso de formação em Acompanhamento Terapêutico no Instituto Granzotto. Professora da Universidade do Sul de Santa Catarina. Supervisora de estágio. Psicóloga clínica.

MÓDULO II

17.maio.19 (18h às 22h)

Principais psicotrópicos, atuações, indicações, contraindicações e efeitos colaterais e implicações na rotina.

 

Dr. André Luís Bezerra Tavares.

Psiquiatra (RQE7398) e Médico de família (RQE5874).

Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Ceará - UFC, com graduação-sanduíche (CAPES/DAAD) em Berlim, Alemanha (Charité/Humboldt Universität). Especialista em Práticas Clínicas em Saúde da Família pela Escola de Saúde Pública do Ceará. Titulado pela Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade. Mestre em Saúde Pública pela UFC. Especialista em Pesquisa e Inovação em Saúde da Família pela UFC. Residência Médica em Psiquiatria no Hospital de Saúde Mental Professor Frota Pinto, vinculada à Escola de Saúde Pública do Ceará. Gestalt-terapeuta em formação. Vem estudando o tema saúde mental e sofrimento psíquico desde 2007 com diversos trabalhos e publicações sobre o tema. 

18.maio.19 (9h às 13h e 14h às 18h)

Rede de Atenção Psicossocial

no estado do Ceará:

  • Como funciona.

  • Saúde, Assistência e Educação.

  • Pontos de apoio, recursos e políticas públicas .

  • O papel do at no trabalho em rede.

 

Mayrá Lobato.

Psicóloga (CRP 11/5299) e Acompanhante Terapêutica. Mestra em Saúde Pública pela UFC. Especialista com caráter de Residência em Saúde da Família e Comunidade. Integra o Conselho Municipal de Saúde de Fortaleza onde coordena a Comissão Intersetorial de Saúde Mental. Membro do Conselho Interinstitucional de Políticas sobre Drogas do Ceará. Assessora de Pesquisa e Desenvolvimento do CRP-11 onde atua como técnica do Centro de Referências Técnicas em Psicologia e Políticas Públicas - CREPOP.

19.maio.19 (9h às 13h)

Educação Especial/ Demandas escolares.

  • Políticas educacionais na perspectiva da inclusão escolar

  • Aspectos importantes para a prática pedagógica

  • Adaptações: curriculares e mobiliário

  • Transformação da escola em um espaço coletivo de inclusão da criança em sua singularidade e diferença

 

Thaís Helena Ellery de Alencar.

Professora, Mestra e graduada em Filosofia pela Universidade Estadual do Ceará. Atua com educação inclusiva no Colégio Regina Pacis, Colégio Antares e Colégio Lourenço Filho e com formação continuada de professores pela Faculdade Vale do Jaguaribe - FVJ.

MÓDULO III

 

15.jun.19 (9h às 13h e 14h às 18h)

Cuidados Paliativos

 

Fernanda Gomes Lopes.

Psicóloga (CRP 11/07624), graduada pela Universidade de Fortaleza. Mestre em Cuidados Continuados e Paliativos, pela Universidade de Coimbra, reconhecido pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Especialista em Cancerologia - Modalidade Residência Integrada em Saúde, pela Escola de Saúde Pública do Ceará. Especialista em Psicologia em Saúde, concedido pelo Conselho Regional de Psicologia do Ceará. Especialista em Gestalt Terapia, pelo Instituto Gestalt do Ceará. Possui Formação em Psicoterapia Fenomenológica Existencial e em Psicoterapia Breve Focal. Associada da Academia Nacional de Cuidados Paliativos. Atualmente, é psicóloga da equipe de cuidados paliativos do Hap Vida, professora do Centro Universitário Farias Brito e coordenadora da "Escutha Psicologia e Saúde".

16.jun.19 (9h às 13h)

Fechamento/ Encerramento

  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - cinza Círculo

+55 85 3211.1074 I 98202.7902 (Whatsapp)

Av. Desembargador Moreira, 2120, 2º andar, Aldeota I Fortaleza I Ceará I Brasil